Morro de preguiça de…

Preguiça é feio, é pecado, mas eu tenho (e muita), como toda pessoa normal. Em algumas situações ela é mais acentuada e nessa semana do Desafio 52 semanas vou falar sobre isso.
lazy
LIMPAR AS LITEIRAS
Eu não ligo de dar comida ou água para os gatos, mas limpar liteiras me dá uma preguiça. Quem tem gato sabe que eles preferem usar a caixinha de areia limpa, então o momento de limpar a caixa significa que ela será suja novamente por pelo menos mais 3 vezes (tenho 4 gatos, oras). Dá uma preguiça e vontade de mandar todos os bichanos usarem a caixa suja de uma vez para eu ter um trabalho só, mas eles não fazem isso, é óbvio.

RESPONDER COMENTÁRIOS
Desculpa gente, mas eu sou uma blogueira que tem preguiça de responder comentários, eu faço sempre, mas tenho preguiça e qualquer outra distração me faz procrastinar ainda mais esse ato.
Responder comentários é essencial para qualquer blogueiro e eu sei que eu deveria dar mais atenção a isso, mas eu leio os comentários, entro nos blogs amigos, leio os posts e fico séculos para dar a minha opinião. Desculpa, não sou perfeita.

GENTE QUE ENROLA PARA CONTAR UMA HISTÓRIA
Sabe aquela pessoa que não é objetiva e dá duas mil votas para contar determinada história? Como eu tenho preguiça de gente assim!!
Quase durmo quando a pessoa começa a formular uma frase. Não aguento.

COMPRAR COMIDA
Entre atravessar a rua e ir na padaria ou no Subway comprar alguma coisa para comer eu prefiro ir para o fogão cozinhar alguma coisa. Morro de preguiça de sair de casa para comprar comida, juro! Só compro mesmo nos casos em que estou atrasada para ir para aula, preciso lanchar, não tem nada pronto e eu não quero sair com fome. Em todas as outras situações eu prefiro cozinhar.

IR AO SALÃO DE BELEZA
Mulheres, como vocês conseguem ir todo final de semana para o salão? Eu morro de preguiça. Sair de casa para ir ao salão é quase uma tortura para mim. Tento fazer tudo em casa e prolongar ao máximo a ida ao salão porque a preguiça é muito maior que eu nesses casos (agora uma salva de palmas porque semana passada fui duas vezes ao salão – necessidade gritou mais alto).