dois ponto três


E virei mais um ano no calendário. Aniversários sempre me trouxeram lembranças boas, de uns tempos pra cá tive que conviver com lembranças ruins e hoje vejo como uma hipocrisia.
Eu sempre tive os melhores aniversários qdo era criança, minhas festas sempre tinham mta comida e eu sempre ganhava mtos presentes, não gostava de mtos deles, mas era divertido. Depois parei com as festas e só ganhava presentes dos meus pais, os maiores e mais caros. Lembro da Minnie gigante que falava ou cantava e que custava caríssima na época e do CD-player na época que lançou. Mas sempre foi assim: celular caro, DVD player, computador novo, câmera digital… essas coisas grandes eram presentes de aniversário ou Natal. Não que eu fosse ou sou rica ou algo do tipo, mas nessas datas sempre ficou reservado dinheiro p/ essas coisas. Óbvio que eu tinha que adorar essa data.
Minha última festa “grande” foi meu 13° aniversário que caiu numa sexta-feira treze. Decorei a casa toda com teias de aranha, aranhas, fantasmas… fiz 2 Jack O’ lantern, apaguei as luzes da sala e só deixei iluminado com pisca-piscas que estava num quadro preto escrito “Poly” (meu próprio letreiro luminoso) e velas. Os convidados deveriam vir vestidos de preto. E de lembrancinha, foi um ferrero-rocher embalado numa renda preta com um cartãozinho simples. Minha festa não foi grandes coisas, mas meus melhores amigos vieram e eu dancei a noite toda, no melhor estilo de diversão de um adolescente de 13 anos no fim dos anos 90. Depois disso, os aniversários perderam a graça.
No de 16 eu tinha acabado de ficar solteira e chorava o tempo todo, nos de 17 e 18 eu fui a pessoa mais vítima de hipocrisia da face da terra, nos de 19, 20 e 21 eu acho que esperei demais das pessoas, no de 22 minha cachorra morreu e no de 23 eu decidi não comemorar, não ter presente e me enfiar embaixo das cobertas até passar o dia p/ não ter que receber parabéns de ngm.
O primeiro a me dar bom dia com parabéns foi meu cachorro, depois minha mãe e depois foi o boicote no flickr com todo mundo postando bolinho em minha homenagem xD
Saldo negativo de scraps e depoimentos no Orkut (tirei a data de lá). Um torpedo no cel, mas só pq era resposta de um outro que enviei p/ minha colega pegar uma coisa na facul p/ mim, 3 mensagens no MSN, alguns Twittes e o post do Leo.
Adorei! Fugi de toda hipocrisia que existia em todo aniversário: milhões de scraps de gente que nunca foi com minha cara e só me dava parabéns msm p/ não fugir do protocolo ou aquela palhaçada de ficar cantando parabéns na sala de aula e todo mundo vindo me abraçar e me cumprimentar, sendo que só falam comigo p/ tirar dúvida p/ prova. E é assim que a gente aprende quem é importante na nossa vida. Até falei com minha mãe e comprovei a teoria. Disse que só ia dar convite de formatura p/ parentes que se lembraram do meu aniversário ou que me ligaram ontem. Bom, problemas com convites não terei, quem for parente e quiser vir é só pagar 100 reais, pq meus convites estão oficialmente reservados p/ amigos.

E pode parecer, mas eu não sou paranóica com essa coisa de parentes x família não. Eu me importo tanto com eles, qto eles se importam comigo… (;

Veja também

14 Comentários

  1. é. as vezes acontecem umas coisas ruins com a gente e a gente nem tem vontade de nada, e o aniversário vira um dia como outro qualquer. eu sinceramente, detesto fazer aniversario. nao pela virada do calendario, mas nessas datas geralmente as pessoas ficam falsas. pessoas que nunca falam com vc “ah, feliz aniversario, tudo de bom, smack smack”. ¬¬’

  2. Partindo meio pra parte da hipocrisia já que eu não sabia que era seu aniversário, parabéns!
    Bom..eu gosto que o povo saiba do meu aniver..mesmo que seja meio falsidade eu gosto de ser paparicada um pouquinho ^^
    mas voltando..que este ano tenham muitas novidades boas pra você!

    bjoo
    ;**

  3. oieee!!!! fzr aniversário é sempre gostoso, é uma data onde nos lembramos dos abraços e dos presentes que ganhamos né?

    felicidades!

    bjsss

  4. Poly, minha “cumadre”… Me deu vontade de participar do MBB SÓ pra poder postar aquele bolinho pra você também, hihihihi
    Eu acho o máximo as pessoas que lembram do aniversário d’a gente… Meu sdois últimos – 18 e 19 – foram incríveis porque recebi ligações de telefone daquelas que dá vontade de chorar… Agora esse povo que não lembra a gente tem que abstrair!!

    Tudo de bom pra você, Poly, não só porque foi seu aniversário, mas SEMPRE!!

  5. Eu sempre fico meio depressiva no meu niver… Não adianta! >.<
    Concordo com o fim do seu texto. Tem amigo que é muito mais família do que nossos parentes jamais vão ser. Infeliz ou felizmente, né? xD

  6. Oi, Poly!
    Se não me engano, eu lembro do teu post no ano passado sobre o seu aniversário… se não me engano… rs.
    Eu não faço questão alguma de dar parabéns às pessoas de quem não gosto só por por “protocolo”, como você disse. Assim como tbm não faço questão de receber um “feliz aniversário” vindo da boca delas… Mas, hipocrisia ou não, parabéns pra você =D e lá vamos nós caminhando cada vez mais pros 30… (eu tbm faço 23 esse ano) rs…
    Beijão!

  7. Poly! foi seu aniversário e eu nem sabia! x__x”
    Parabéns atrasadééééérrimo :D
    Muito sucesso pra ti e saúde principalmente! ^^
    O lance dos parentes é verdade.. minha irmã quando se formou convidou vários parentes para a formatura dela, mas 90% não foram! Ela ficou arrasada tadinha.. e o pior é que era pago e ela teve que pagar o prejuízo depois. Agora no casamento dela do ano passado ela só convidou aqueles que foram na formatura e os amigos :]
    Não dá pra bobear não; nessas horas vemos msm quem se importa com a gente!

    Beijão ;*

  8. Bom,Parabéns atrasado!!
    Esse negócio de aniversário é assim mesmo..tambem sempre comemorei com festas e sempre as melhores… parei acho que com 9 anos..rs..mas tambem sempre ganhei os melhores presentes da minha mãe no Natal e aniversario.Acho que fazer aniversário é um pouco triste….porque sempre a gente acaba esperando demais das pessoas e muitas que a gente espera uma ligaçao nem lembram do nosso aniversario … hoje ja nao dou tanta importancia a isso tambem,mas sempre faço questao do bolo,mesmo que só pra mim …

    beijoooos

  9. Olá Polly!
    Primeiramente, parabéns beem atrasado ne! rsrsrs
    Olha, eu viví coisas parecidas com as suas sabe.. Depois dos 15, não tive nenhuma festa de verdade, só um bolinho mesmo e uns 5 ou 6 parentes que me ligavam desejando feliz aniversário. Sabe a que conclusão cheguei? Melhor pra mim! Assim eu conheço quem realmente se importa comigo ou quem só “comparece” nas festas por diplomacia. Afinal de contas, n vale a pena vc viver cercado de gente que não está nem aí pra você né?
    ^^
    Beijão flor =*

  10. Ah, comentando só pra corrigir o endereço do meu blog que saiu errado no coment acima ‘-‘
    beeeeeijo

  11. menina! ce fez niver! *-* parabéns atrasadooooo!
    ei, chegou o onigiri! amei, os dois, e tudo que vc mandou, muito fofo! *_* obrigadaaaaa! (L) ah, to de casa nova, rs, agora eu fico mais tempo. [eu acho] ashaushsua

    beijokas! ;*

  12. Nooosssaa! mandou bem no post hein!
    Hipocrisia é uma m mesmo! eu tbm sou muito seletiva… só gosto de quem gosta de mim… acho que nessa vida reciprocidade é tudo! acho que vc está certíssima e não é paranóia sua não, pq se for, somos duas paranóicas então… rs…
    Parabéns pelo níver e pelo discernimento e sabedoria que mais um ano lhe traz!
    Bjks!

  13. Pois é, até nosso aniversário anda meio banalizado. E eu acho que tanto essa, como todas as outras datas especiais, nós devemos comemorar com as pessas que gostamos e que gostam de nós de verade. Que não precisam serem lembradas por um site de que nosso aniversário está chegando. ;)
    Beijos e parabéns pra ti!