herculesHercules, 2014
(4/5)
Sinopse: Filho de Zeus, o semi-deus Hércules (Dwayne Johnson) sofre há 400 anos, por ter perdido toda a sua família. Após realizar os doze trabalhos, ele conhece seis homens sanguinários e impiedosos, e une-se ao grupo em busca de novas tarefas e de qualquer trabalho que puder encontrar, com a condição de ser remunerado. Esses homens assassinam diversas pessoas em seu caminho, e com isso acabam despertando fama na região, até que o rei da Trácia chama Hércules e convida-o a treinar o seu exército, na intenção de transformá-los em verdadeiros mercenários.
Opinião: Já disse que estou em um momento de ver filmes de ação? Pois é, estou. Então aproveitei a oportunidade da estreia do filme e fui assistir no cinema. Aqui para ver filmes legendados é preciso correr e tentar assistir na primeira semana, à partir da segunda semana não é mais possível encontrar sessões legendadas com horários decentes.
E para minha surpresa, a sala estava bem vazia! Não sei se foi o horário, o filme ou por ele ser legendado, mas a sala estava com menos da metade da lotação.
Assisti ao filme em 3D e não acho que fiz um bom investimento, não há tanto efeitos assim para compensar o valor do ingresso.
O ponto forte do filme é mostrar uma desconstrução do personagem Hércules, ele é mais humano e possui diversos problemas (humanos), não é retratado como o semideus invencível e filho de Zeus.
Não tem nenhum ser mitológico e as cenas de ação não mostram combates com esses seres. A luta travada é contra humanos.
Há muita ação, aventura e um pouco de comédia, todos os ingredientes necessários para fazer um bom filme. Gostei da proposta diferente e do modo diferente como Hércules foi retratado, mas fica com as 4 estrelas por causa do 3D que não compensou.