Editora Novo Século

jackson5JACKSON FIVE
“Não só de problemas da megalópolis se vive um motoboy! Nois também consegue se locomover nas entrelinhas cotidiânicas de nois mesmos”. Jackson Five As divertidas histórias do motoboy mais amado do Brasil agora estão registradas no primeiro livro do Jackson Five. Das dificuldades do caótico trânsito de São Paulo a dicas de relacionamentos amorosos, Jackson nos envolve em risadas, trapalhadas e entregas de pacotes misteriosos. Tudo, claro, em companhia da sua inseparável moto Lady Laura. Sob a mente brilhante do humorista e apresentador Marco Luque, o livro também conta com desenhos ilustrados pelo próprio autor que, formado em artes plásticas, nos revela seu outro talento. O submundo cotidiânico dos motoboys agora não será mistério para mais ninguém. Divirta-se com esse motoqueiro de sorriso bonito.

QUEROSERBETHLQUERO SER BETH LEVITT
E se o seu maior desejo, de repente, se realizasse de um jeito que você jamais sonhou? Amelie Wood perdeu os pais aos doze anos e, desde então, vive em um abrigo de meninas. Com a chegada do seu décimo oitavo aniversário, ela vive agora o temido e esperado momento de deixar o lugar que a acolheu por toda a adolescência para enfrentar o mundo em busca de seus sonhos. Seu bem mais precioso é o velho exemplar do romance que sua mãe lia para ela, na infância. “Doce Acaso” contava a história de Beth Levitt, uma jovem que, como ela, amava o balé e tinha a vida transformada ao conhecer o príncipe Edward. Amie suspira ao reler incansavelmente aquelas páginas, imaginando quando o príncipe da vida real bateria em sua porta… Por isso, ao soprar as velas, não tem dúvida quanto ao seu pedido: “Quero ser Beth Levitt!”. Através de grandes coincidências e uma trajetória que ela jamais imaginaria, Amie se vê, de repente, no fascinante mundo do cinema, cara a cara com o príncipe mais lindo que sonharia encontrar e lutando para se esquivar da maldade de muita gente invejosa, contando, para isso, com sua melhor arma: um coração puro.

fedmaisFÉ DEMAIS – HISTÓRIAS DE FÉ E HUMOR
“Um comediante que faz do inesperado seu maior trunfo. Um humorista que cativa a todos com seu carisma. Um agente do riso que surpreende a todos com sua perspicácia e sagacidade e transforma o mais banal dos momentos em uma bomba cômica de mil megatons. Marcelo Marrom sempre quis ser esse cara.” Danilo Gentili “Presença indispensável nos meus churrascos! Além de tocar violão e de ser um baita humorista, pilota uma churrasqueira como ninguém.” Marco Luque “Livro com piada de negro? Achei que estava proibido.” Tatá Werneck “O Marrom escreveu um livro? Fico surpreso de saber que ele sabe escrever…” Rodrigo Capella “O Marrom é um cara que eu admiro muito. Chego a sentir inveja. Queria saber tocar instrumentos como ele, fazer piadas como ele, comer a mulher dele… Um exemplo.” Murilo Couto “Admiro a audácia do Marrom, não por ter escrito um livro, mas por cobrar por isso.” Maíra Charken