A_PLAYLIST_DE_HAYDENMichelle Falkoff
(5/5)
2015
Editora Novo Conceito
288 páginas

Sam acaba de perder seu amigo Hayden e está sem chão. Hayden e Sam eram melhores amigos e faziam tudo juntos e compartilhavam suas aventuras pela escola.
Eles não eram muito populares e Hayden sofria bullying, inclusive de seu irmão. Não aguentando mais a pressão Hayden se suicida e Sam começa a se culpar.
A última mensagem que Hayden deixa escrito é um bilhete para Sam com uma playlist que ele criou. Sam começa a ouvir as músicas incansavelmente e não consegue encontrar respostas nelas, mas por causa de Hayden ele conhece outras pessoas e começa a mudar a forma como via a vida.
É um livro bonito que fala de amizade, amor, bullying e todos os problemas típicos adolescentes. Hayden e Sam são típicos geeks e entramos bem nesse universo quando embarcamos na leitura.
Cada capítulo inicia-se com uma música e há algumas reflexões de Sam a respeito dela. A playlist (pode ser ouvida aqui) é bem eclética e eu conheci muita coisa boa e nova. Pelas músicas dá para sentir que tipo de adolescente Hayden era. Por meio das músicas dele podemos compreende-lo um pouco melhor e saber como ele se sentia.
Ao longo da história vamos conhecendo Sam e descobrindo pouco a pouco quem era Hayden e como foram seus últimos momentos.
Apesar da temática e da trilha sonora triste não é um livro depressivo. Gostei da leitura e a achei tranquila a história. Há um mistério envolvendo a morte de Hayden e a cada capítulo ficamos mais próximos de descobrir o que aconteceu com ele. Então, por motivos óbvios o “só mais um capítulo” antes de dormir acaba se tornando o livro inteiro antes de dormir.
É uma leitura muito rápida e se for acompanhada da trilha sonora melhor ainda. Tentei fazer uma playlist no Spotify para compartilhar, mas algumas faixas estavam indisponíveis, pelo menos no site promocional tem todas elas. Vale à pena conferir.
A capa é linda, só por ela dá vontade de ler o livro. No kit que recebi da Novo Conceito veio junto um fone de ouvido dentro de uma caixinha super formosa. Simples, mas ótima para deixar dentro da bolsa/mochila. A caixa é redonda, branca com o título A playlist de Hayden escrita em cima. Perfeita para não deixar o fone embolar com as outras coisas (horrível quando o fone embola com tudo mais que tem dentro da bolsa, né?)
O kit foi uma combinação perfeita. Juntar música e livro não tem como dar errado.
Um dos livros que eu mais gostei. Não é uma grande obra, mas me tocou com sua sutilidade.

Muitas pessoas querem ser invisíveis. Talvez elas até pensem que podem fingir que são. Mas sempre alguém as vê.

A diagramação está perfeita, miolo simples, mas letras com bom tamanho e páginas amareladas. Sem nenhum erro perceptível.