ISSO_ME_TRAZ_ALEGRIAMarie Kondo
(5/5)
Editora Sextante
2016
272 páginas

Que livro, amigos!
Eu sempre gostei muito de organização e planejamento. Gosto de ter tudo certinho e arrumado na minha vida e leituras sobre o assunto costumam me render ótimos conhecimentos.
Marie Kondo
Confesso que até a Jout Jout falar da Marie Kondo eu nunca tinha me interessado muito pela autora (shame on me). Mas vi a resenha (?) da Jout Jout e fiquei intrigada. A autora realmente manda o leitor abraçar a roupa e perguntar a ela se ela traz felicidade? Sim! É isso que a Marie manda todo mundo fazer.
Marie Kondo
Eu não li A mágica da arrumação, mas como me acho conhecedora do assunto resolvi assumir a responsabilidade de ler de cara o segundo livro lançado: Isso me traz alegria. E que experiência boa!
Estou em clima de arrumar a vida. Separar coisas que não vou usar mais para doar, arrumar as coisas da faculdade em um canto só, etc. e o livro caiu em minhas mãos no melhor momento possível.
A Marie ensina a melhor forma de nos organizarmos: perguntar se aquele item que temos guardado nos traz alegria. E isso é uma coisa tão óbvia que eu nunca pensei a respeito. Se um objeto não me é útil e nem me traz alegria por que eu deveria mantê-lo em casa? Não seria melhor desapegar?
Marie Kondo
Acredito que no primeiro livro ela trate deste assunto, mas o que mais me chamou atenção foi o fato de Isso me traz alegria ter ilustrações!
Eu não sou uma eximia dona de casa (nem dona de casa eu sou) e tenho muita dificuldade em dobrar peças de roupas e a Marie mostra passo a passo de como dobrar roupas complicadas e de formatos diferentes. Além de indicar qual a regra certa de arrumação (e fiquem surpresos: não é por cômodo, mas sim por seções – exemplo: todas as roupas da casa, todos os livros da casa…).
Marie Kondo
Comecei a seguir os conselhos há pouquíssimo tempo e acho que só conseguirei deixar tudo organizado do modo da Maria no próximo ano, pois são muitos detalhes a serem pensados e colocados em prática. Com calma e perseverança eu chego lá.
Eu li o livro todinho de uma vez só, mas é possível ir lendo por partes e ir organizando as coisas de acordo com a leitura, ou voltar a hora que quiser e reler um trecho ou outro.
Ao final da leitura me senti mais motivada a continuar na arrumação e passei a ver as coisas de outro modo. Pra que complicar a vida? Vamos viver com o que nos traz alegria e focar na felicidade. É isso o que realmente importa.