OLHO_POR_OLHOJenny Han, Siobhan Vivian
(4/5)
Editora Novo Conceito
2013
320 páginas

Sinopse: Alguma vez você já quis realmente se vingar de alguém que a ofendeu? Talvez uma ex-amiga que a apunhalou pelas costas, ou um namorado traidor, ou um estúpido da escola que a humilhou desde que você era pequena… Alguma vez você já sonhou em envergonhá-lo na frente de todos? E, então, alguma vez você se uniu com outras duas pessoas para criar um elaborado esquema de destruição e revanche? A maior parte de nós não pode dizer que sim a todas essas perguntas (felizmente). Mas, certamente, todos nós somos capazes de nos identificar com muitos dos sentimentos de Kat, Lillia e Mary em Olho por Olho… No entanto, de um exercício de malícia, de uma simples brincadeira adolescente, o jogo do “aqui se faz, aqui se paga” poderá assumir proporções trágicas, em que até mesmo as leis da natureza vão se dispor, misteriosamente, a acalmar os corações ofendidos. Deixe-se levar por uma genuína história sobre o certo e o errado, o justo e o injustificável e procure entender — se possível — os verdadeiros motivos que transformaram estas três meninas. Dramático, honesto e fascinante, este é um livro que ultrapassa todas as expectativas!

Opinião: Olho por olho é um livro adolescente que tem a temática de vingança. Acho que todo mundo já assistiu a algum filme americano adolescente sobre vingança, então é exatamente esse o clima do livro.
A linguagem da narrativa é bem tranquila e os diálogos fluem bem, acredito que seja principalmente por ele ser mais jovial e voltado para o público adolescente. Então dá para ler tranquilamente em uma tarde, como eu fiz.
O livro é narrado por três personagens Mary, Kat e Lillia. Cada capítulo é narrado por uma delas e os capítulos não são enumerados, mas divididos com o nome das meninas.
A história se passa na Ilha Jar e grande parte dela envolve a única escola de ensino médio da ilha. Não é uma escola grande, então todo mundo se conhece e esse ano promete ser especial para o grupo de meninas mais populares da escola, principalmente para Lillia e Rennie.
Lillia é melhor amiga de Rennie e elas são inseparáveis desde quando Lillia começou a passar os verões na Ilha e a amizade se intensificou quando ela se mudou há alguns anos anos. No início, elas eram um trio, Lillia, Rennie e Kat, mas Rennie decidiu, logo quando Lillia se mudou, que Kat não era boa o bastante para ser amiga delas e a amizade acabou.

Quando minha família decidiu mudar-se para cá, foi um sonho que se realizou. Aquele verão foi um aquecimento para a diversão que íamos ter no colegial.
P. 59

Lillia e Rennie foram se tornando populares ao longo dos anos e agora que estavam no último ano parecia que elas iriam fechar esse ciclo com chave de ouro, mas alguns fatos começam a balançar a amizade delas.
Kat, a amiga rejeitada, se tornou menos popular. Ela faz parte do time do pessoal que se veste de preto, ouve rock e não liga para popularidade.
Mary já morou na Ilha quando era mais nova, mas estudava no continente e por isso não conhece quase ninguém na escola. A única pessoa que ela conhece é Reeve, um garoto que estudou com ela no continente. Eles pegavam a balsa juntos e estudavam na mesma escola, mas não eram amigos, na verdade, ele praticava bullying nela.

Não é de admirar que Reeve não tenha me reconhecido essa manhã. Tem só um modo de dizer isso: eu era gorda.
P. 75

Lillia possui uma irmã mais nova, Nadia e faz de tudo para protegê-la, mas é o primeiro ano da menina no colegial e ela quer voar mais alto, sem a interferência da irmã. Então quando ela descobre que Nadia estava se envolvendo com Alex, um de seus amigos (e sem ela saber), seu instinto protetor aflora e ela quer fazer com que todos que tentaram prejudicar sua irmã paguem por isso, principalmente Rennie.
Já Kat está brava com o “namorado”, Alex, que possivelmente está tendo um caso com outra e com Rennie, com quem teve uma briga feia no primeiro dia de aula.
Mary não queria se meter em confusão, mas tudo na Ilha a lembrava do que passou e do que Reeve a fez passar, por isso decide ir embora.

O que quer que tenha acontecido na escola, seja lá o que foi aquilo, eu nem quero pensar nisso. Só quero dar o fora daqui. Sair dessa ilha, afastar-me de Reeve e de tudo que me faça lembrar dele e de quem eu era.
P. 111

Kat sabe que Lillia está brava com Rennie e Alex e por isso marca um encontro com ela para armarem uma vingança para eles, mas no meio do caminho encontra Mary que estava querendo partir. Kat convence Mary a ficar e a se juntar no plano de vingança, principalmente quando descobre o que Reeve fez.

– Ninguém pode jamais saber o que vamos fazer. O que fizermos juntas viverá e morrerá conosco. – Limpo a garganta, porque essa é a parte mais importante. – E, se vamos fazer isso, ninguém pode desistir na metade do caminho. Se for para entrar, é para ir até o fim. Até nós três conseguirmos o que queremos. Senão, bem… você pode se considerar a caça. A estação de caça vai abrir, e nós teremos muita munição para usar contra você. Se você não puder jurar que irá até o fim, então é melhor fingir que essa noite não ocorreu.
P. 122

Sem que ninguém saiba elas começam a planejar vingancinhas para seus rivais. No início as vinganças eram mais meros truques engraçados, mas conforme a história vai evoluindo, as vinganças vão piorando até que a última foge do controle (e o livro acaba).

Sinto que estou mais próxima de Kat e Mary do que de qualquer um dos meus outros amigos. Nós três somos um círculo. Estamos ligadas uma às outras agora. Posso sentir. Sinto poder também. Toda a conversa, o trabalho duro, as brincadeiras que fizemos, isso tudo nos trouxe até aqui e agora.
P. 271

Eu estava um pouco insegura para começar a leitura desse livro, amei o livro Não sou esse tipo de garota da Siobhan Vivian e detestei Conselho de Amiga, da mesma autora. Por isso, eu não sabia mesmo o que podia me esperar desse livro, mas felizmente eu gostei bastante.
É uma mistura de todos os filmes adolescentes que existem, com todos os esteriótipos conhecidos e o toque perverso de uma vingança adolescente. Há também um toque misterioso e meio sobrenatural envolvendo uma personagem, mas quando essa parte começou a ser melhor explorada o livro chegou ao fim.
Há muitas dúvidas quando chegamos à última página e dá aquela vontade enorme de ler a continuação (sim, é uma série e tem continuação, para o alívio das desesperadas, como eu). Então a dica se você é ansioso(a) é esperar a continuação para ler tudo de uma vez.
O bom é que o segundo livro será lançado agora em novembro, então não temos que esperar muito para nos deliciarmos com a continuação da trilogia.