Kim Carpenter, Krickitt Carpenter
(5/5)
Editora Novo Conceito
1ª edição
144 páginas
2012
Sinopse: A vida que Kim e Krickitt Carpenter conheciam mudou completamente no dia 24 de novembro de 1993, dois meses após o seu casamento, quando a traseira do seu carro foi atingida por uma caminhonete que transitava em alta velocidade. Um ferimento sério na cabeça deixou Krickitt em coma por várias semanas. Quando finalmente despertou, parte da sua memória estava comprometida e ela não conseguia se lembrar de seu marido. Ela não fazia a menor ideia de quem ele era. Essencialmente, a “Krickitt” com quem Kim havia se casado morreu no acidente, e naquele momento ele precisava reconquistar a mulher que amava.

Opinião: O livro conta uma história real e é impossível não se emocionar com ele. A história de Kim e Krickitt é linda! Mostra como o amor de verdade consegue superar absolutamente TUDO.
Lembrei muito do filme “Como se fosse a primeira vez” ao ler algumas partes, só que ao invés de ser ficção era de verdade. Acho que esse livro é leitura essencial para todos os casais, pois se Kim e Krickitt conseguiram superar isso, qualquer outro casal com amor os unindo consegue também.
O livro é fininho e a linguagem é bem tranquila. Eu li em poucas horas. Peguei para começar a ler à noite e quando vi já tinha terminado. Agora estou morrendo de vontade de assistir ao filme, que pelo livro já imagino que deve ser lindo!