Livro: Sangue na Neve

SANGUE_NA_NEVELisa Gardner
(5/5)
Editora Novo Conceito
2013
416 páginas

Sinopse: A policial Tessa Leoni matou seu marido, Brian Darby, em legítima defesa. A arma do crime está à vista de todos e os hematomas no corpo de Tessa confirmam a ocorrência. A policial também não fez questão de fugir, ou de arrumar qualquer justificativa para explicar aquele corpo estendido no chão da cozinha, portanto, aparentemente, o que a investigadora D.D.Warren tem à sua frente é o desfecho de uma briga doméstica. Um caso simples. No entanto, ao abrir o inquérito, D. D. terá uma surpresa: este não é o primeiro homicídio de Tessa Leoni e — afinal — onde está a filhinha de seis anos da policial? Será que a policial Leoni realmente atirou em seu marido para matá-lo? Uma mãe seria capaz de prejudicar intencionalmente sua filha? D. D. Warren, a experiente detetive que acredita que desvendar um caso é como mergulhar na vida do criminoso, enfrentará mais uma investigação que a levará a uma busca frenética por uma criança desaparecida enquanto tenta encaixar as peças de um mistério familiar que a levará a quebrar os muros do corporativismo policial.

Opinião: Gostei bastante de Viva para Contar da Lisa, mas só após ler Sangue na Neve que me apaixonei de vez pela autora.
Sangue na Neve tem uma ótima narrativa e a história é completamente envolvente. Um ótimo thriller policial que nos prende do início ao fim na história.
Sério. Eu só consegui fechar o livro quando cheguei ao fim da trama. Não conseguia interromper a leitura por nada!
O livro mexe bastante com o psicológico do leitor, tem horas que acreditamos sem a menor sombra de dúvidas de que Tessa matou a filha, em outros momentos isso não fica tão evidente e acreditamos que a pequena Sophie ainda está viva.
Gostei bastante de como Tessa coloca a polícia como falha e consegue demonstrar isso com o próprio comportamento de D.D. Warren.
Não consegui parar a leitura para separar trechos de citações, então me desculpem.
A única coisa que eu não gostei foi o título em português. Acho que não tem nada a ver com a história, principalmente se comparado com o título em inglês (Love you more), que é inclusive uma frase muito dita na trama.
A capa e os detalhes com “sangue” ficaram lindos e a diagramação também ficou muito boa.

Veja também

4 Comentários

  1. Não sou muito chegada a esse gênero mas os que já tive a oportunidade de ler me prenderam do começo ao fim.E esse me chamou atenção porque não vejo uma mãe matando uma filha e acho que o marido dela fez algo errado então to curiosa pra saber se as minha suposições tem algum cabimento

  2. Humm me parece ser ótimo!! Com bastante suspense como Garota Exemplar, que eu simplesmente A M E I!!!!