(o posto foi escrito pelo Leo, mas estou postando por problemas técnicos)

Little Mix é uma girlband britânica que surgiu no programa de talentos X Factor. As quatro integrantes chegaram como solistas e passaram da primeira fase, mas não conseguiram ir adiante nas fases seguintes; pelo imenso talento de cada uma, elas foram unidas e se tornaram o Rhythmix, que depois mudou o nome para Little Mix por causa de direitos autorais.
Perrie, a doce loira com o vocal mais forte do grupo, que é odiada por algumas fãs (ou melhor, talifãs) do One Direction por namorar um dos integrantes. Jesy, a (atualmente) ruiva que detona no rap e na atitude, que recebeu muitas críticas na época do programa por parecer ser gordinha. Leigh Anne, a negra que também faz ótimos raps. Jade, a bela e também ruiva, com uma voz angelical. As quatro juntas formam o Little Mix, a única girlband a vencer um X Factor.

O talento das meninas é a primeira coisa que chama a atenção. Todas as quatro têm vozes ótimas e não venceram o programa por serem bonitas ou carismáticas, o que todos sempre elogiavam em primeiro lugar era a performance vocal das garotas, principalmente da Perrie. Além disso, elas criaram uma química deliciosa, vê-las no palco é uma maravilha, funcionam muito bem juntas.
Junto com a vitória, veio o single Cannonball, o single que seria lançado para quem vencesse o programa. Foi um grande sucesso, mas por ser algo produzido pelo próprio X Factor e um cover, não mostrou muito bem a personalidade das meninas. É então que vem Wings, o primeiro single de fato das meninas.
Wings é uma música agitada que é basicamente sobre motivação. É uma resposta a todos aqueles que as criticam, sejam eles fãs (idiotas) do One Direction, invejosos que falam mal da aparência da Jesy, aqueles que não acreditavam que elas pudessem ganhar por serem uma girlband. Além da letra muito bonita e que pode ajudar muitos por aí, o ritmo é contagiante e bem forte, e mesmo com toda a modernidade da música, as vozes são muito bem colocadas e as harmonias ficaram muito legais. Vale a pena acompanhar a carreira dessas quatro que têm tudo pra ser a próxima grande girlband do Reino Unido!