Filme: Capitão América: o primeiro vingador

Capitão América: o primeiro vingador (Captain America: The First Avenger)
(4/5)
2011

Durante a Segunda Guerra Mundial, o jovem Steve Rogers (Chris Evans) aceitou fazer parte de um experimento a fim de se tornar o primeiro supersoldado americano. O experimento é bem sucedido e Steve é transformado em uma valiosa arma humana. Por ser o único supersoldado, os americanos acabam usando Rogers como uma celebridade do exército ao invés de um soldado nas trincheiras, mas ao visitar uma zona de combate na Europa, Steve descobre que seu amigo Bucky (Sebastian Stan) e outros soldados foram levados pelos nazistas.

Assim, Rogers acaba assumindo o papel de Capitão América, usando seus “dons” (o que ele ganhou do combo soro + raios vita) e treinamento militar para resgatar os soldados.

A esta altura do campeonato eu realmente não sei mais o que é spoiler e o que não é mais. Porém, das primeiras vezes que eu assisti eu achei chatíssimo. Acho o Steve Rogers muito certinho. Eu sei que para ser o Capitão América o cara deveria ter o coração bom porque o soro potencializa todas as qualidades, mas ele é chato.

Quando ainda era um magrelo fracote, ele não fugia de apanhar. Encarava o brutamontes que fosse e levava quantos socos o grandão queria dar. Qual o sentido nisso? Ele não é apenas bom, ele é trouxa mesmo.

E a persistência para entrar no exército. Por quê? Que cara mala! Se ele não tivesse virado o Capitão América e fosse aceito, além de cuidar dos feridos de guerra, as enfermeiras ainda teriam que se preocupar com o asmático? Ele não parou para pensar por 2 minutos que ele seria um problema para o batalhão? No meio da trincheira ele iria escolher usar a bombinha de asma (existia bombinha de asma em 1941, falando nisso?!) ou a metralhadora?

Eu não gostei do relacionamento dele com a Peggy (Hayley Atwell), apesar de ter amado a participação dela e isso ter me dado vontade de assistir à série Agente Carter (que eu parei na metade). A mulher toda a frente do seu tempo se apaixona por um banana como o Steve Rogers? Não engoli.

No entanto, amei a amizade dele com o Bucky e o relacionamento quase que fraternal dos dois. Nunca tinha me atentado para o quão forte era a amizade deles. Podemos perceber que meu ranço pelo Cap era tanto que eu ignorei diversos fatos apenas por ter o Steve Rogers na tela, mas consegui superar para fazer essa maratona com vocês.

O vilão Caveira Vermelha (Hugo Weaving)é maravilhoso. Ver a HIDRA e como usam o Tesseract também é incrível. Ainda mais sabendo como isso tudo se conecta ao Universo Marvel.

Se você ainda não assistiu e quer começar, aproveita e vem comigo. Assistirei a todos os outros filmes da Marvel na ordem cronológica. Só seguir este post aqui.

Ficha Técnica

  • Direção: Joe Johnston
  • Roteiro: Christopher Markus, Jack Kirby, Joe Simon, Stephen McFeely
  • Produção: Johnny Fisk, Kevin Feige
  • Duração: 124 minutos
  • Classificação: 12 anos
  • Elenco: Chris Evans, Hayley Atwell, Sebastian Stan, Hugo Weaving, Tommy Lee Jones, Dominic Cooper, Samuel L. Jackson, Toby Jones

Veja também

2 Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.