Homem de açoMan of steel, 2013
Sinopse: Na trama, Clark Kent/Kal-El (Henry Cavill) é um jornalista de vinte e poucos anos que se sente alienado por poderes além da imaginação. Transportado de Krypton (um planeta alienígena avançado) para a Terra anos atrás, Clark se pergunta “Por que estou aqui?”. Moldado pelos valores de seus pais adotivos Martha (Diane Lane) e Jonathan Kent (Kevin Costner), Clark logo descobre que ter super-habilidades significa tomar decisões extremamente difíceis. E quando o mundo é atacado, Clark deve se tornar o herói conhecido como “Superman”, não só para brilhar como o último raio de esperança, mas para proteger aqueles que ama.

Opinião: Ando numa vibe de ver filmes de heróis, assisti a todos os filmes d’Os Vingadores até o primeiro filme e agora estou começando a assistir os outros.
São filmes divertidos, cheios de ação, não dá tempo para ficar pensando em baboseiras ou refletindo sobre a vida, é aquilo que está ali e pronto. Cheio de efeitos e paranauês, que eu aprendi a amar.
Desde o lançamento que eu me interessei pelo “novo” filme do Super Homem, mas não estava muito a fim de gastar dinheiros no cinema (na época eu pagava inteira) e aguardei o filme chegar na TV. Estreou esse fim de semana na HBO e eu aproveitei para me divertir um pouco.
O filme conta o outro lado da história de Clark Kent, não o herói como todos estamos acostumados, mas o menino órfão e suas dificuldades em se adaptar em um novo planeta, uma nova atmosfera. Mostra as origens dele, seus pais em Krypton e o que levou à família a enviar o menino à um planeta distinto.
Mas apesar de vermos esse lado mais “humano” do super herói, a história não é nada parada ou cheia de drama, há sim espaço para ação e confrontos entre Clark Kent/Kal-El e o General Zod.
Fica a dica de um bom filme de ação para curtir no fim de semana.