Bella Andre
(4/5)
Editora Novo Conceito
2012
256 páginas

Sinopse: Chloe Peterson está tendo uma noite ruim. Uma noite realmente ruim. O machucado grande em sua bochecha pode provar isso. E quando seu carro patina para fora da estrada molhada em direção a uma vala, ela está convencida de que até o cara maravilhoso que a salvou do meio da tempestade deve ser muito bom para ser verdade. Ou ele é mesmo? Por ser um fotógrafo de sucesso que viaja frequentemente pelo mundo, Chase Sullivan tem seu jeito com mulheres bonitas, e quando ele está em casa, em São Francisco, um de seus sete irmãos normalmente está acordado para começar um pouco de diversão. Chase acha que sua vida é ótima do jeito que está — até a noite que encontra Chloe e seu carro destruído na rodovia Napa Valley. Não apenas nunca tinha conhecido alguém tão adorável, por dentro e por fora, mas como também percebe que ela tem problemas maiores do que seu carro batido. Logo, ele será capaz de mover montanhas por amor — e proteção — a ela, mas ela deixará? Chloe prometeu nunca cometer o erro de confiar em um homem novamente. Mas a cada olhar que Chase lança a ela — e a cada carinho doce e pecaminoso — conforme a atração entre eles sai faísca e esquenta, ela não pode fazer nada a não ser se perguntar se encontrou a única exceção. E apesar de Chase não perceber que sua vida mudaria para sempre em um instante, para melhor, ele não é o único a querer lutar por essa mudança. Ao contrário, ele está se preparando para uma luta… pelo coração de Chloe.

Opinião: Quando você mistura Nicholas Sparks com romance de banca temos Um olhar de amor. Não quer dizer que o livro seja ruim, pelo contrário.
A fórmula do livro é exatamente a mesma que o Sr. Sparks usa em seus livros: cara conhece a moça e no minuto seguinte ele se apaixona perdidamente por ela e descobre que ela é a mulher de sua vida e ele é capaz de tudo por ela. Claro que a Bella Andre joga um pouco de pimenta no meio e o sexo rola solto antes do cidadão perceber que é amor (ou não?).
Cheguei a um determinado momento da leitura que eu comecei a rir porque o Chase Sullivan é o cara totalmente inventado! Ele é lindo, rico, solteiro, hetero, bom de cama, pode ter a mulher que quiser no mundo e escolhe a separada, com corpo normal, depilação por fazer, machucado na cara e roupas velhas.
Mas então ele não está interessado só em sexo. Pasmem: é ela quem está! O bonitão rico quer uma namorada fixa, uma mulher para casar e ter filhos!
Apesar disso tudo, eu gostei da leitura. Em relação à parte sexual não achei tão vulgar. O contexto sexual ficou bem colocado e há bastante romance no meio. Não é só aquela coisa de pura atração sexual com dois amantes se atracando como se fosse um conto erótico (claro que tem bastante sexo, mas não é só isso).
É bem diferente dos livros da E. L. James (em primeiro lugar, a protagonista não é tão tapada e o bonitão rico é mais romântico) e quem gosta ou se interessou pelo gênero, acho uma boa ler para fazer uma comparação.
Um olhar de amor é o primeiro livro da saga Os Sullivans. Então ainda tem muito mais por vir dessa história entre Chloe e Chase.